A Imortalidade da alma, segundo Sócrates e Platão

Ao estudar as filosofias socrática e platônica, é inevitável perceber as semelhanças extraordinárias com o Espiritismo. Um dos pontos em comum é a imortalidade da alma, que é defendida com veemência por Sócrates diante de seus discípulos. Essa viagem pelo pensamento Socrático esclarece de forma inequívoca que os princípios da Doutrina são milenares, reafirmando a sua universalidade. Vale a pena conferir!

Continuar lendo